Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Governo de SP pagará R$ 50 mil por informação sobre a morte de Vitória

Denúncias podem ser feitas diretamente à autoridade policial de Araçariguama, pelo telefone 181 e pela internet

Em busca pelo responsável pela morte da adolescente Vitória Gabrielly Guimarães Vazo, a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo anunciou hoje (23) que pagará R$ 50 mil a quem fornecer informações relevantes. O assassinato está em investigação pela Delegacia de Araçariguama, onde o crime ocorreu.

A estudante, de 12 anos, desapareceu no último dia 8 de junho, depois de sair de casa em direção à escola que frequentava. Depois de quatro dias de buscas, seu corpo foi localizado amarrado a uma árvore na Estrada da Aparecidinha, bairro Caxambu.

O corpo não apresentava sinais de violência sexual. A menina morreu asfixiada. Os peritos encontraram uma meia dentro de sua boca e, agora, investigam se teria sido encharcada em algum produto químico.

A Secretaria adota o programa de recompensas desde 2014. Sendo nota divulgada hoje, a resolução sobre o pagamento de R$ 50 mil por informações sobre quem cometeu o crime será publicada no Diário Oficial do Estado.

Conforme a nota, as denúncias poderão ser feitas de três formas: diretamente à autoridade policial, por e-mail, carta, telefone e/ou pessoalmente; via Disque Denúncia, pelo telefone 181; por meio do Web Denúncia. Para os três casos, a Secretaria de Segurança Pública se compromete com o completo sigilo sobre o informante.

“Em qualquer das modalidades acima, a prova de uma denúncia eficaz será feita por meio de relatório, apreciado pelo secretário (de Segurança Pública), que analisará o grau de eficiência. Esse valor poderá contemplar mais de uma denúncia”, informou a secretaria.

Segundo a SSP, o valor da recompensa virá do Fundo de Incentivo à Segurança Pública (Fisp).