Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Fila no SUS, Meirelles e Petrobras nas manchetes de 4/12/17

Espera por cirurgia pode chegar a 12 anos, segundo o 'Estado de S.Paulo'

Fila por cirurgia no SUS, declaração do ministro Henrique Meirelles sobre candidato do Planalto à presidência e licitação da Petrobras estão nas manchetes dos principais jornais do país nesta segunda-feira. De acordo com o Estado de S.Paulodemora por procedimento pode chegar a 12 anos. Na Folha de S.Paulo, Meirelles revela que candidato do governo não será Geraldo Alckmin. Primeira grande licitação da Petrobras depois da Lava Jato é destaque no Globo.

O Estado de S.Paulo
904 mil pessoas esperam por uma cirurgia no SUS
Levantamento do Conselho Federal de Medicina mostra que 904 mil pessoas esperam por uma cirurgia considerada não urgente no SUS. O número – obtido por meio da Lei de Acesso à Informação – pode ser ainda maior, já que leva em conta dados de apenas 16 Estados e dez capitais. Cirurgias de catarata, correção de hérnia, retirada de vesícula e de amígdalas ou adenoide concentram quase metade dos pedidos.

Folha de S.Paulo
Meirelles afirma que governo terá candidato
Em entrevista ao jornal, Meirelles afirma que o Planalto terá seu candidato em 2018 e não será Alckmin. Isso por faltar “comprometimento claro” do PSDB com as reformas, diz, em sua primeira avaliação assertiva sobre as eleições. Caso decida pela própria candidatura, o ministro de Temer declara que defenderá “o legado do governo”.

Russomanno lidera disputa em SP, segundo Datafolha
Enquanto os nomes que disputarão o governo de São Paulo em 2018 não são definidos, o candidato a prefeito de 2016 Celso Russomanno  sai na frente nas intenções de voto, com João Doria em segundo, de acordo com o Datafolha. O deputado, que ficou em terceiro no pleito municipal, tem 25%, e o tucano, 19%. Paulo Skaf, presidente da Fiesp, atinge 13%. 

O Globo
Petrobras faz 1ª grande licitação após Lava-Jato
A Petrobras vai reformar 75% de suas plataformas na Bacia de Campos, um investimento de R$ 3 bilhões, na primeira grande contratação de serviços desde 2014, quando teve início a Operação Lava-Jato. Dezenove empresas participam de concorrência para a manutenção em 25 dessas plataformas já em 2018.

Valor Econômico
Investimento disseminado indica aceleração do PIB
Apesar de o crescimento do PIB no terceiro trimestre ter ficado abaixo das expectativas, os números trouxeram boas notícias. A expansão, por exemplo, de 1,6% do investimento não foi um evento atípico, mas um aumento disseminado entre os diversos setores da economia.

Estado de Minas
Teto dos gastos poupa Congresso
Corte definido pelos próprios parlamentares reduz investimentos em áreas essenciais, mas não interfere no orçamento do Legislativo.