Clique e assine a partir de 9,90/mês

Estrondo em prédio da Unip de Brasília causa tumulto

Provas do concurso do Tribunal Regional do Trabalho foram canceladas depois que forte estrondo assustou candidatos durante exame

Por Da Redação - 11 nov 2012, 13h24

Um estrondo no prédio da Universidade Paulista (Unip), em Brasília, causou tumulto neste domingo durante a realização de provas para o concurso do Tribunal Regional do Trabalho (TRT). Segundo o tenente Agnaldo Silva, do Corpo de Bombeiros do DF, os candidatos se assustaram quando a cerâmica do piso do primeiro andar cedeu.

Houve pânico e alguns candidatos se jogaram da janela do primeiro andar. Eles foram levados para o Hospital de Base do DF. De acordo com o Corpo de bombeiros, não há registro de casos graves. O exame foi cancelado.

De acordo com a Agência Brasil, o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos (Cespe), responsável pela aplicação do concurso, divulgou que os 50.000 candidatos que faziam as provas terão de esperar a divulgação de novas datas, o que deve acontecer até terça-feira. As provas que seriam realizadas no período da tarde também foram suspensas.

O subsecretário de operações da Defesa Civil, coronel Sergio Bezerra, afirmou que não houve abalo na estrutura do prédio e que o barulho foi causado por um deslocamento da cerâmica do piso. Segundo ele, a recomendação para que o prédio fosse esvaziado e a prova suspensa foi tomada para evitar mais pânico entre os candidatos.

Continua após a publicidade

Técnicos da Defesa Civil, que fizeram vistoria no prédio da universidade, disseram que o estrondo foi provocado pela mudança de clima e alteração de temperatura aliadas ao uso de material inadequado na colagem da cerâmica.

(Com Estadão Conteúdo)

Publicidade