Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

ES decreta estado de atenção devido às tempestades

Volume de chuvas no estado neste mês já é o maior dos últimos 45 anos. Previsão é de que o mau tempo continue até o final da semana

As fortes chuvas que atingem o Espírito Santo desde o fim da noite deste domingo trouxeram prejuízos, caos no trânsito e levaram a Defesa Civil estadual a decretar situação de atenção. Três casas desabaram no município de Guarapari, no Sul do estado, deixando oito pessoas feridas. O volume de chuvas no estado é recorde para o mês de maio, com 171,8 mm no intervalo de 24 horas. O antigo recorde aconteceu em 1967 com 135,5 mm.

Vila Velha, Cariacica, e a capital do estado, Vitória, são as cidades mais atingidas, conforme informações disponibilizadas pela Defesa Civil do estado. Em Vila Velha, pelo menos sete bairros concentram pontos de alagamento críticos. Entre eles estão Grande Cobilândia, Aribiri, Nova América, Vila Batista, Itapoã, Paul e São Torquarto.

Agentes da prefeitura da cidade estão desde a madrugada desta segunda-feira nas ruas para verificar e minimizar os impactos da chuva. Uma escola localizada em Parque das Gaivotas está funcionando como abrigo para as famílias que perderam, ou podem perder, suas casas.

Já em Vitória, a Defesa Civil informou que foi registrado alagamento de aproximadamente seis das principais avenidas da cidade. Por volta das 14 horas desta segunda, a água já tinha baixado e os estragos, reduzidos. O coordenador de Defesa da cidade, Julio César Cruz, informou que a capital está em estado de alerta, já que a previsão é de chuvas para o resto da semana.

(Com Agência Estado)