Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Enterrados corpos dos garis atropelados em São Paulo

Vítimas morreram neste sábado, após serem atingidas por uma Hillux no canteiro da via de acesso à Marginal Pinheiros; motorista tinha sinais de embriaguez

Foram enterrados na manhã deste domingo os corpos de dois garis atropelados no acesso da Marginal do Pinheiros no sábado. Os sepultamentos ocorreram entre 10 e 11 horas no Cemitério Vila Nova Cachoeirinha, na zona norte da cidade. Parentes e amigos de Alex Damasceno de Souza, de 26 anos, e de Roberto Pires de Jesus, de 36, acompanharam os cortejos.

O gerente de banco Fernando Mirabelli, de 32 anos, foi preso em flagrante depois de atropelar e matar os dois garis. Um terceiro funcionário também foi atingido e ficou ferido. Eles trabalhavam no local quando o carro invadiu o canteiro da pista. Alex e Roberto morreram na hora.

O helicóptero Águia, da Polícia Militar, pousou na via para socorrer a terceira vítima, que foi levada ao Hospital Santa Marcelina. Aldenir Abrantes Dantas, de 21 anos, sofreu fratura na bacia e não corre risco de vida.

Segundo a polícia, o motorista estava embriagado e em alta velocidade quando perdeu o controle do veículo, um Toyota Hilux. Mirabelli, que mora em São Bernardo do Campo, no ABC Paulista, retornava de uma casa noturna em Guarulhos. O acidente aconteceu por volta das 7h, quando ele seguia para a casa dos pais, no Campo Belo, zona sul da capital paulista.

(com Agência Estado)