Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Em três meses, BC recolheu 28 mil notas manchadas

Por Da Redação
13 set 2011, 17h15

Por Priscila Trindade

– O Banco Central do Brasil recolheu, entre os meses de maio, junho e julho deste ano, 27.997 notas suspeitas de terem sido manchadas pelo dispositivo antifurto dos caixas eletrônicos em todo o País.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a operação “Caixa Preta” prendeu 48 suspeitos de cometer ataque a caixas eletrônicos nos últimos três meses, apenas em São Paulo. As prisões foram realizadas pelo Departamento de Investigações sobre o Crime Organizado (Deic).

Em junho, cinco integrantes de uma quadrilha que tentava remover a tinta antifurto de notas manchadas foi presa na capital paulista. As notas manchadas foram apreendidas dentro de um filtro d’água de porcelana, imersas em produtos químicos usados para limpar o dinheiro.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.