Clique e assine a partir de 8,90/mês

Em seis meses, Rio de Janeiro registrou 48 roubos em ônibus por dia

Média de um assalto em coletivo a cada trinta minutos no estado

Por Leandro Resende, do Rio de Janeiro - Atualizado em 20 ago 2019, 12h01 - Publicado em 20 ago 2019, 11h08

Nos seis primeiros meses de 2019, o Rio de Janeiro registrou média de 48 roubos em ônibus por dia. Dados do Instituto de Segurança Pública (ISP) revelam que o número de ocorrências do tipo cresceu 14,3% em relação ao primeiro semestre de 2018.

Em todo o estado, de janeiro a junho deste ano, foram registrados 8.761 assaltos em ônibus – média de dois casos a cada hora. Na manhã desta terça-feira, 20, um homem rendeu um ônibus na Ponte Rio-Niterói. O sequestro terminou após três horas, quando um sniper atirou no sequestrador, que morreu no local. Segundo a Polícia Militar do Rio de Janeiro, todos os 37 reféns foram liberados sem ferimentos.

A capital fluminense registrou o maior número de casos: 5.627, cerca de 65% do total de episódios no estado. São Gonçalo, cidade da região metropolitana de onde saiu o ônibus sequestrado nesta terça-feira, vive uma explosão de casos de assaltos em coletivos: 647, quase 20% a mais que os 541 no mesmo período no ano passado.

Os números da segurança no Rio no mês de julho de 2019 seriam divulgados hoje pelas secretarias de Polícia Militar e Polícia Civil, mas a divulgação foi cancelada em virtude do sequestro.

 

Continua após a publicidade
Publicidade