Clique e assine com até 92% de desconto

Duque de Edimburgo deixa o hospital

Por Carl Court 27 dez 2011, 07h37

O príncipe Philip, 90 anos, duque de Edimburgo e marido da rainha Elizabeth II, deixou nesta terça-feira o hospital de Papworth, perto de Cambridge (leste da Inglaterra), onde foi operado de urgência na sexta-feira para a desobstrução de uma artéria coronária.

Philip apareceu sorridente a bordo do veículo que o levaria à residência de Sandringham, a 80 km da clínica, onde os membros da família real passam as festas de fim de ano.

“Sua Alteza Real, o duque de Edimburgo, deixou o hospital de Papworth esta manhã. Retorna a Sandringham de carro”, afirma um comunicado do Palácio de Buckingham.

De acordo com a nota, ele queria voltar ao encontro da família e agradeceu a equipe médica pelos excelentes cuidados que recebeu durante a internação.

O duque de Edimburgo, que sofria com dores no peito, foi transportado de helicóptero na sexta-feira para a clínica.

Ele foi submetido a uma cirurgia pouco invasiva, em que foi inserido um stent, dispositivo que dilata a artéria para acabar com a obstrução. A operação, com anestesia local, foi considerada um sucesso.

Continua após a publicidade
Publicidade