Clique e assine a partir de 9,90/mês

Duas cidades pedem ajuda de tropas federais

Por Da Redação - 14 out 2008, 17h06

As cidades de Manaus, no Amazonas, e Campina Grande, na Paraíba, requisitaram ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a ajuda da força federal durante o segundo turno das eleições, no dia 26 de outubro. Por enquanto, o único município que já foi autorizado a receber as tropas é Benedito Leite, no Maranhão, que teve o primeiro turno cancelado por causa de uma manifestação de eleitores.

De acordo com o TSE,o pedido de Campina Grande tem como finalidade “assegurar a ordem pública e o livre exercício do voto durante o segundo turno das eleições 2008”. Já em Manaus, “o pedido leva em consideração incidente ocorrido em 2004, quando, devido a ausência de força policial, houve abordagem a eleitores não só nas ruas, como nas filas de votação”, informou o TSE por meio de nota oficial.

Os pedidos de atuação da força federal são feitos pelo juiz eleitoral de cada município ao Tribunal Regional do estado, que repassa para o TSE.

Em Benedito Leite será realizada a eleição referente ao primeiro turno, com votos para prefeito e vereadores. A eleição do último dia 5 foi cancelada pela Justiça Eleitoral depois que cerca de 600 pessoas incendiaram urnas e mantiveram presos o juiz local e seu filho.

Continua após a publicidade

A revolta teria acontecido após o juiz da cidade não ter cumprido decisão do TSE de validar a candidatura de três pessoas ao cargo de vereador. A força federal atuava na cidade neste dia.

Publicidade