Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dilma sanciona lei que determina separação de presos por gravidade do crime

Norma foi publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira

A presidente Dilma Rousseff sancionou a Lei 13.167, que estabelece critérios para a separação de presos nos estabelecimentos penais. O texto altera a Lei de Execução Penal, de 1984, determinando divisão dos detentos de acordo com a gravidade do crime. A norma foi publicada nesta quarta-feira, no Diário Oficial da União (DOU).

Diz a lei: “Os presos provisórios ficarão separados de acordo com os seguintes critérios: acusados pela prática de crimes hediondos ou equiparados; acusados pela prática de crimes cometidos com violência ou grave ameaça à pessoa; acusados pela prática de outros crimes ou contravenções diversos dos apontados anteriormente”.

Quanto aos presos condenados, eles ficarão separados de acordo com os seguintes critérios: “condenados pela prática de crimes hediondos ou equiparados; reincidentes condenados pela prática de crimes cometidos com violência ou grave ameaça à pessoa; primários condenados pela prática de crimes cometidos com violência ou grave ameaça à pessoa; demais condenados pela prática de outros crimes ou contravenções em situação diversa das anteriores”.

A nova lei ainda estabelece que “o preso que tiver sua integridade física, moral ou psicológica ameaçada pela convivência com os demais presos ficará segregado em local próprio.”

Leia também:

À espera do TCU, começa o Dilma-3

TSE decide abrir processo que pode levar à cassação de Dilma

(Com Estadão Conteúdo)