Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Dilma opta pelo recolhimento no réveillon na Bahia

Por Da Redação 1 jan 2012, 17h31

Por Tiago Décimo

Salvador – Apesar da grande festa de réveillon montada para os moradores da Base Naval de Aratu, na Praia de Inema, em Salvador, com toldos perto do mar, sistemas de som e de iluminação especiais, a presidente Dilma Rousseff, que descansa no local com a família desde a segunda-feira, optou por passar a virada de ano reservadamente, apenas com os convidados, na casa do comando da base, onde está hospedada.

Cumprindo a rotina adotada desde a chegada ao local, Dilma não quis aproveitar o dia ensolarado na praia, ficando longe das lentes de fotógrafos e cinegrafistas que aguardam uma aparição da presidente na faixa de areia – único ponto visível da base a partir do acesso mais próximo a civis, um píer da prefeitura instalado na praia vizinha de São Tomé de Paripe.

Enquanto a Praia de Inema, de acesso restrito aos militares, passou o dia praticamente deserta, a de São Tomé de Paripe, separada da primeira pelo muro que delimita a base naval, ficou lotada de moradores da região – uma área pobre da cidade, conhecida como Subúrbio Ferroviário.

Para facilitar a circulação no local, agentes da Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador), deslocados para o local, interditaram a entrada de veículos no acesso mais próximo à entrada da base, que sofreu com congestionamento de pedestres.

Continua após a publicidade
Publicidade