Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Dilma indica Rosa Weber para ministra do STF

Rosa é ministra do Tribunal Superior do Trabalho desde 2006; nome ainda depende de aprovação do Senado

A presidente Dilma Rousseff assinou nesta segunda-feira o ato de indicação de Rosa Maria Weber Candiota, ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST), para ocupar a vaga de ministra do Supremo Tribunal Federal (STF). O documento será encaminhado ao Senado, que precisa aprovar a indicação. Rosa deverá ocupar o lugar de Ellen Gracie, que se aposentou em agosto deste ano.

A escolha de Dilma Rousseff ocorreu dois dias antes do Supremo Tribunal Federal (STF) decidir sobre a constitucionalidade da Lei da Ficha Limpa. Como o julgamento está previsto para esta quarta-feira, a 11ª cadeira da Corte deve continuar vazia na ocasião.

Biografia – Rosa foi inspetora do Ministério do Trabalho, mediante concurso público, de 1975 a 1976. Ingressou na magistratura trabalhista em 1976, como juíza substituta do Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (Rio Grande do Sul). Foi promovida em agosto de 1991 ao cargo de juíza do TRT da 4ª Região. Ela também foi corregedora e presidente do mesmo tribunal.

Foi ainda professora da Faculdade de Direito da Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUC/RS), no curso de graduação em Ciências Jurídicas e Sociais, em 1989 e 1990. Em 21 de fevereiro de 2006 tomou posse no cargo de ministra do TST.