Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

DEM e PR lançam filhos de Maia e Garotinho no RJ

Por Luciana Nunes Leal

Rio – Com a formalização da candidatura do deputado Rodrigo Maia (DEM) à Prefeitura do Rio, foi encerrada na tarde desta segunda a temporada de convenções partidárias na cidade. Estão na disputa o prefeito Eduardo Paes (PMDB), que tenta a reeleição, e os deputados Otávio Leite (PSDB), Aspásia Camargo (PV) e Marcelo Freixo (PSOL), além de Rodrigo, filho do ex-prefeito Cesar Maia.

A convenção conjunta do DEM e do PR aconteceu em uma casa de shows de Campo Grande (zona oeste). Paes foi lançado candidato no sábado passado e Aspásia no domingo. As candidaturas de Otávio Leite e Marcelo Freixo foram oficializadas no início do mês.

Com uma coligação de vinte partidos e um petista candidato a vice, o vereador Adilson Pires, Paes terá 15 minutos na propaganda gratuita de TV. Empenhados em levar a disputa para o segundo turno, os adversários terão juntos pouco mais de dez minutos.

Aliado à deputada Clarissa Garotinho (PR), candidata a vice, Rodrigo Maia terá pouco mais de cinco minutos. Otávio Leite deverá ocupar três minutos. Freixo e Aspásia ficarão com cerca de um minuto cada. Clarissa é filha dos ex-governadores Anthony Garotinho e Rosinha. Ex-adversários, Cesar Maia e Garotinho fecharam a aliança no fim do ano passado.

Em discurso, Rodrigo Maia procurou associar Eduardo Paes ao governador Sérgio Cabral (PMDB), ao empresário Fernando Cavendish e à construtora Delta, investigada pela Polícia Federal e pela CPI do Cachoeira por suposto envolvimento em um esquema de corrupção e tráfico de influência.

“O prefeito e o governador são íntimos de Fernando Cavendish. O prefeito entrega o Rio à especulação imobiliária e aos Cavendish da vida. Governador e secretários são membros ativos da gangue do guardanapo”, discursou Rodrigo, lembrando foto em que o empresário e alguns secretários de Cabral posam descontraídos durante uma festa em Paris. Várias imagens do governador em companhia de Cavendish, de quem é amigo, durante viagens à França foram divulgadas por Garotinho ao longo do mês de maio.

Rodrigo repetiu trecho do jingle da campanha, que critica o discurso de Paes e Cabral sobre o bom momento da cidade. “Dizem que o Rio está bombando. Está bombando para quem? Para os ricos, os empresários, as Organizações Sociais da saúde. O Rio não precisa de dono, de Deltas e de OSs”, disse Rodrigo, que se emocionou ao cumprimentar o pai, o ex-prefeito Cesar Maia (DEM), agora candidato a vereador.

Em seu discurso, Clarissa Garotinho fez um aceno e um elogio à presidente Dilma Rousseff. Rodrigo e Clarissa têm repetido que, em caso de vitória, não interromperão as parcerias do município com o Estado e a União. A parceria é um dos pontos centrais do discurso de reeleição de Paes. “Dilma é uma mulher sábia, sabe separar questões políticas e administrativas. Não vamos ter dificuldades em fazer parcerias com nossa presidente”, afirmou Clarissa.