Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Defesa Civil ainda vê riscos em loja incendiada no Rio

Para evitar que o reboco da fachada desabe, a Defesa Civil do RJ programou uma raspagem do local para este sábado

A Defesa Civil Municipal do Rio de Janeiro constatou neste sábado que ainda existe risco de desabamento do reboco da fachada da loja Aidan, destruída por incêndio na manhã da última sexta-feira, em Copacabana, zona sul da cidade. Está prevista uma raspagem para a retirada do reboco até o fim da tarde deste sábado. Em seguida, o prédio de dois andares será fechado por tapumes.

Os proprietários da casa de material para festas ainda não se apresentaram aos bombeiros ou à Defesa Civil. De acordo com o engenheiro Luiz André Alves, que coordenava a operação no local, os prédios vizinhos não sofreram abalo. “A laje desabou, mas as paredes laterais estão intactas. Não há nenhum risco para a vizinhança.” O comerciante Salim Youssef Diwan, dono da Arrazo, loja vizinha de roupas para festas, acompanhou a limpeza do estabelecimento. “Não sobrou nada. O estoque foi todo destruído.”

Bombeiros fizeram o rescaldo durante a manhã. Duas pistas da Avenida Nossa Senhora de Copacabana permaneciam interditadas, mas devem ser liberadas para o trânsito depois que os operários terminarem a raspagem na fachada.

(Com Agência Estado)