Clique e assine com até 92% de desconto

Crivella nega cancelamento do Réveillon do Rio, mas defende reformulação

Riotur propõe festa virtual; queima de fogos, iluminação e shows, por enquanto, estão mantidos

Por Ricardo Ferraz Atualizado em 26 jul 2020, 15h40 - Publicado em 26 jul 2020, 15h32

O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (Republicanos), disse neste domingo, 26, que a festa de Réveillon deste ano nas praias cariocas não foi cancelada, mas terá que ser reformulada para evitar contaminações por Covid-19.

“Não foi adiado. Estamos pensando em fazer o Réveillon de outro jeito”, declarou Crivella

Na manhã deste sábado, 26, a prefeitura divulgou um comunicado em que afirmava ser inviável a realização do evento sem o desenvolvimento de uma vacina contra a Covid-19.

Crivella informou ter recebido da Riotur , a empresa municipal responsável pela festa, um comunicado propondo uma confraternização virtual. “Vamos discutir com os hotéis e os restaurantes como será feito isso”, declarou o prefeito.

De acordo com a empresa, embora não haja ainda um formato definido para a festa da virada, a queima de fogos, os shows e projetos de iluminação, por enquanto, estão mantidos.

O prefeito disse que a prefeitura deve se posicionar sobre o assunto ainda nesta semana.

  • (com Agência Brasil)

    Continua após a publicidade
    Publicidade