Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Corpo é encontrado em Mariana quatro meses após rompimento de barragem

Aílton Martins dos Santos, de 55 anos, trabalhava na barragem de Fundão no dia da tragédia. Um corpo segue desaparecido

Quatro meses depois do rompimento da barragem de Fundão em Mariana (MG), foi encontrado nesta quarta-feira o corpo de mais uma vítima fatal. Dessa forma, subiu para dezoito o número de corpos encontrados – uma pessoa segue desaparecida.

Aílton Martins dos Santos, de 55 anos, estava desaparecido desde 5 de novembro do ano passado, quando a barragem da mineradora Samarco se rompeu e soterrou o distrito de Bento Rodrigues. De acordo com a Polícia Civil, Santos era funcionário da empresa Integral Engenharia e trabalhava na barragem no dia da tragédia.

O corpo dele foi encontrado pelos Bombeiros dentro de um caminhão-pipa e o reconhecimento pela família foi possível por causa de uma cicatriz, além do cabelo e das roupas. Santos será enterrado nesta quinta-feira no município mineiro de Catas Altas, onde ele morava.

O corpo de Edmirson José Pessoa, de 48 anos, que era funcionário da Samarco, ainda está desaparecido.

Leia mais:

Polícia pede prisão de ex-presidente da Samarco e mais seis

Justiça de Minas bloqueia R$ 500 mi da Samarco, Vale e BHP

(Da redação)