Clique e assine com até 92% de desconto

Corpo de bombeiro soterrado durante resgate no Guarujá é encontrado

Com a confirmação da morte do cabo Marciel Batalha, subiu para 44 o número de vítimas das fortes chuvas que atingiram a Baixada Santista

Por Da Redação Atualizado em 10 mar 2020, 09h51 - Publicado em 10 mar 2020, 09h43

O corpo do bombeiro que estava desaparecido há uma semana foi encontrado na noite desta segunda-feira, 9, no Morro do Macaco Molhado, no Guarujá, no litoral sul de São Paulo. O cabo Marciel de Souza Batalha, de 46 anos, e mais um oficial foram atingidos por um deslizamento durante um resgate no local.

Com a confirmação da morte do bombeiro, o número de vítimas em decorrência das chuvas na Baixada Santista subiu para 44. Outras 34 pessoas continuam desaparecidas. A tragédia também deixou 328 desabrigados no Guarujá e 185 em Santos, segundo a Defesa Civil.

Os dois bombeiros mortos trabalhavam no socorro de uma criança quando foram atingidos por um deslizamento. A criança e a mãe também morreram. O corpo do cabo Rogério de Moraes Santos, 43 anos, foi encontrado no mesmo dia da tragédia. Eles estavam há vinte anos na corporação.

A família do cabo Batalha anunciou que o sepultamento será no cemitério Vicente de Carvalho, no Guarujá, às 13h30 desta terça-feira.

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB) homenageou o cabo em sua página em uma rede social e divulgou imagens do resgate do corpo.

Continua após a publicidade
Publicidade