Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Comandante pede desculpas por omissão de PMs em morte no Rio

Por Da Redação
22 out 2009, 13h57

O comandante-geral da Polícia Militar (PM) do Rio de Janeiro, coronel Mário Sérgio Duarte, admitiu que a polícia errou no episódio em que o coordenador do AfroReggae, Evandro João da Silva, foi assassinado, em um assalto na madrugada de domingo. “É ruim saber que os policiais erraram. Eles são preparados para agir nas situações mais difíceis, e agir na repressão ao delito é o que se espera deles. A PM errou, trabalhou mal. Temos de ser maduros e profissionais para admitir o erro. É imperativo pedir desculpas”, afirmou o comandante, que disse estar solidário à família de Evandro.

Os criminosos atiraram no coordenador do grupo cultural depois de roubar o par de tênis e o casaco dele. Eles foram detidos por policiais do 13.º Batalhão, da Praça Tiradentes, mas acabaram liberados depois de entregar os objetos aos PMs. Os policiais não prestaram socorro a Evandro.

O coronel Mário Sérgio Duarte divulgou o nome dos agentes: o capitão Denis Leonardi Nogueira Bizarro e o cabo Marcos de Oliveira Salles. Eles ficarão detidos no 13.º Batalhão até sábado e podem continuar presos caso a Justiça determina a prisão preventiva. O capitão era o supervisor do patrulhamento do batalhão naquela noite. Ele e o cabo abandonaram a ocorrência. Outra equipe assumiu o caso.

(Com Agência Estado)

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.