Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Com executivo da TAM a bordo, ‘voo da premonição’ pousa em Brasília

Vidente havia afirmado que aeronave que partiu de São Paulo se chocaria contra um prédio na Paulista. Apesar do atraso, pouso se deu sem problemas

Por Da Redação 26 nov 2014, 14h35

Pousou normalmente em Brasília na manhã desta quarta-feira o voo que partiu do Aeroporto de Congonhas, em São Paulo, e teve o número alterado por causa da “previsão” de um vidente. O único contratempo enfrentado pelo passageiros foi um atraso de vinte minutos no pouso – a aeronave sobrevoou a vidade de Ribeirão Preto, no interior paulista, até que tivesse autorização para aterrisar em Brasília, por causa do intenso tráfego aéreo. O vice-presidente de Operações e Manutenção da TAM, Ruy Amparo, viajou na aeronave para demonstrar aos passageiros a confiança na manutenção efetuada pela companhia no avião.

Já na terça-feira o vidente Jucelino Nóbrega da Luz havia afirmado ao que o avião não mais cairia, uma vez que a companhia aérea decidiu alterar o número do voo. Ao jornal Folha de S. Paulo, o vidente disse que o número anterior, JJ3720, é que estava destinado a colidir com um prédio na Avenida Paulista. Lojas na região chegaram a abrir mais tarde nesta quarta justamente por causa da previsão.

O voo que partiu de São Paulo nesta manhã foi o de número JJ4732. Em nota, a TAM afirmou que “a segurança é um valor imprescindível em todas as suas operações”. Em razão disso, diz a empresa, “considerou o alerta e permanecerá atenta às operações no período citado.”

Leia tamém: TAM altera número de voo após ‘premonição’ de vidente

Entenda – O vidente Jucelino Nóbrega da Luz diz ter registrado em cartório, em 2005, um documento no qual previa um acidente com o voo TAM JJ3720, que partiria de São Paulo para Brasília no dia 26 de novembro. Segundo ele, o avião apresentaria problemas técnicos e se chocaria contra um prédio na esquina da Avenida Paulista com a Alameda Campinas – em um dos edifícios da região, o síndico chegou a avisar os condôminos a respeito da previsão.

Continua após a publicidade
Publicidade