Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Chuva não atrapalha festa de réveillon na Avenida Paulista

Virada do ano em SP teve shows de Restart, Jota Quest e Ultraje a Rigor

Por Da Redação 1 jan 2012, 00h34

Apesar da chuva, que castigou a cidade durante todo o dia, a 15ª edição do Réveillon da Paulista reuniu um público estimado em 2 milhões de pessoas na noite deste sábado. Um palco de 1.000 metros quadrados recebeu sete atrações musicais durante a festa – entre elas as bandas Restart, Ultraje a Rigor e Jota Quest, a cantora Roberta Miranda e a dupla sertaneja Rio Negro e Solimões.

Com duração de quinze minutos, a queima de fogos neste ano teve uma atração especial: os fogos de artifício foram colocados em dois prédios da avenida com o objetivo de formar um túnel de luzes. A tradicional chuva de papel picado foi substituída por bolinhas de sabão nesta edição, cujo tema foi o celebração dos 120 anos da Avenida Paulista.

“O Réveillon da Paulista é um dos maiores do mundo, com pessoas de várias partes de São Paulo, do Brasil e até de outros países. Ele encerra uma série de eventos que a cidade já se acostumou a ter durante o ano e que estão melhores a cada edição”, afirmou Marcelo Rehder, presidente da São Paulo Turismo (SPTuris) e secretário-adjunto de Comunicação.

Logo após a meia noite, o maestro João Carlos Martins regeu a Orquestra Bachiana Filarmônica Sesi-SP, que tocou o hino nacional com um arranjo que reúne diversos instrumentos que representam os ritmos regionais brasileiros, além da tradicional Ave Maria, um momento de contrição para o público que enfrentou a chuva.

Continua após a publicidade
Publicidade