Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Chuva deixa quatro mortos e um desaparecido em SP

Em São Paulo, o desabamento de um muro de contenção do Raposo Shopping, na Zona Oeste, interditou três casas e desalojou quinze pessoas

Quatro pessoas morreram e uma está desaparecida em consequência das fortes chuvas em municípios paulistas no fim de semana, segundo informações da Defesa Civil estadual.

Em Mogi Mirim, dois adultos e duas crianças da mesma família morreram no sábado depoios de o carro em que estavam ser arrastado pela correnteza. O Corpo dos Bombeiros informa que a chuva forte de uma hora fez o córrego da Avenida Brasil transbordar. O vidro da frente do carro estourou. O motorista morreu no local. A mulher dele e um menino de 11 anos morreram no hospital.

Desaparecido – Em Araraquara, uma chuva forte atingiu a cidade na tarde do sábado provocando a queda de árvores, o alagamentos de ruas e o transbordamento de córregos.

No Jardim Tamoio, uma van ocupada por seis passageiros rodou na correnteza quando trafegava pela rua, cinco pessoas foram resgatadas e encaminhadas à Unidade de Pronto Atendimento do bairro Jardim Xavier. Uma mulher, de 79 anos, foi arrastada pela correnteza e continua desaparecida.

Desabamento – Em São Paulo, o desabamento de um muro de contenção do Raposo Shopping, na Zona Oeste, atingiu no fim da tarde deste domingo cinco residências localizadas na Rua Sebastião Gonçalves, na comunidade Jardim Jaqueline. Três casas foram interditadas, desalojando quinze pessoas.

Em nota, o Raposo Shopping lamentou as interdições e informou que as famílias foram conduzidas a um hotel, onde permanecem hospedadas.

(Com Agência Estado)