Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Cartões de memória são roubados de fábrica em SP

Por João Carlos de Faria

Taubaté – Numa ação considerada bastante audaciosa pela polícia, bandidos fortemente armados roubaram cerca de 120 mil cartões de memória – de 2 e 4 gigabytes – da fábrica da LG Eletronics, localizada em Taubaté (SP). Esta é a terceira vez que a empresa é roubada, sendo duas somente neste ano. O fato ocorreu por volta das 5 horas de domingo, 30, quando os ladrões cortaram uma tela e entraram no prédio, dominando e deixando amordaçados e amarrados quatro seguranças do sexo masculino e três do sexo feminino.

Do total de cartões roubados, 30 mil foram recuperados pela polícia, que os encontrou escondidos próximo à fábrica. “Os ladrões certamente planejavam voltar para buscar o material”, disse o delegado Getúlio Mendes, da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) local, que investiga o caso. O preço de cada cartão varia entre R$ 20 e R$ 45. O prejuízo da empresa soma cerca de R$ 2 milhões.

Em julho, foi roubada uma carga de mais de 12 mil peças e aparelhos celulares da LG, apósser rendido o motorista de um caminhão carregado que deixava a fábrica. Os ladrões fugiram com todo o carregamento. Pelo que apurou a polícia, depois que chegaram ao pátio da LG, os ladrões seguiram para uma central de monitoramento interno por câmeras onde renderam dois seguranças, passando depois para outro setor, onde dominaram outros três seguranças e finalmente, numa terceira etapa, renderam as três mulheres.

Após amarrar os seguranças e os colocar olhando para o chão, um dos ladrões ficou vigiando, enquanto os demais foram ao depósito, onde recolheram os cartões, colocando-os em dois carros, nos quais eles fugiram. Duas CPUs dos computadores da central de monitoramento, celulares e coletes à prova de balas dos seguranças da fábrica também foram levados.