Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bolsonaro lamenta ‘grave tragédia’ e envia ministros a Brumadinho

Pelo Twitter, presidente disse que a "maior preocupação neste momento é atender eventuais vítimas"

O presidente Jair Bolsonaro se pronunciou sobre o rompimento da barragem da mineradora Vale em Brumadinho, na região metropolitana de Belo Horizonte, nesta sexta-feira, 25, por meio de suas redes sociais.

Ele enviou os ministros do Meio Ambiente, Ricardo Salles, do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto, de Minas e Energia, Bento Albuquerque, e o secretário nacional de Defesa Civil, Alexandre Lucas Alves, ao local. 

“Lamento o ocorrido em Brumadinho-MG. Determinei o deslocamento dos Ministros do Desenvolvimento Regional e Minas e Energia, bem como nosso Secretario Nacional de Defesa Civil para a Região”, escreveu Bolsonaro, no Twiiter. 

“Nossa maior preocupação neste momento é atender eventuais vítimas desta grave tragédia. O Ministro do Meio Ambiente também está a caminho. Todas as providências cabíveis estão sendo tomadas.”, completou. 

Veja também

Segundo o Corpo de Bombeiros, o rompimento ocorreu na altura do quilômetro 50 da Rodovia MG 040. Um helicóptero da corporação sobrevoava a região na tarde desta sexta. Ainda não há informações sobre vítimas.

Conforme a Vale, a barragem armazenava rejeitos de minério de ferro. A mineradora divulgou uma nota informando sobre o rompimento da barragem, que ficava na Mina Feijão. Segundo a empresa, “as primeiras informações indicam que os rejeitos atingiram a área administrativa da companhia e parte da comunidade da Vila Ferteco”. A Vale afirma ter acionado os bombeiros e ativado seu “Plano de Atendimento a Emergências para Barragens”.