Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Bandidos matam menino de 5 anos durante assalto em São Paulo

Pais entregaram 4.500 reais para o bando, mas quadrilha não se contentou com quantia e disparou contra criança; mãe disse que ele pediu para não morrer

Uma criança de cinco anos morreu baleada na madrugada desta sexta-feira durante um assalto a uma casa na Zona Leste de São Paulo. Segundo a polícia, a criança foi executada porque os bandidos não ficaram satisfeitos com a quantia entregue pela família, de origem boliviana, que morava na casa. No local, estavam a criança, os pais e mais seis parentes.

O crime ocorreu por volta de 0h30. Segundo a Polícia Militar, a casa, localizada na Vila Bela, foi invadida um grupo de seis criminosos. Cinco deles estavam encapuzados.

O casal de bolivianos, que trabalhava em um ateliê de costura na capital paulista, entregou 3.500 reais para os criminosos, que exigiram mais. Um dos parentes entregou mais 1.000 reais, mas os criminosos exigiram ainda mais, e passaram a ameaçar o filho do casal, Brayan Yanarico Capcha, de 5 anos, que chorava bastante, segundo a polícia. Em determinado momento, quando a família repetiu mais uma vez que não tinha mais dinheiro, um dos criminosos atirou contra a criança. O tiro acertou a cabeça.

Leia também:

A crueldade por trás de crimes que assustam o país

Latrocínios aumentam 55% na capital paulista

Tio e sobrinho são mortos em assalto a pizzaria

Em entrevista ao Primeiro Jornal, da Rede Bandeirantes, a mãe do garoto disse que o filho pediu para não morrer. “Eu estava com meu filho no colo. Ele estava chorando e dizia: ‘não me mate, eu não vou gritar, eu não quero morrer'”, afirmou. Segundo ela, os criminosos não entendiam o que o menino dizia.

Bryan foi levado para um hospital na Zona Leste, mas chegou ao local sem vida. O crime foi registrado no 49º Distrito Policial, em São Mateus. Até o momento, nenhum suspeito foi preso. A polícia pede para que a população ajude com informações. O contato pode ser feito pelo disque denúncia.

(Com Estadão Conteúdo)