Clique e assine a partir de 9,90/mês

Avião da Gol tem princípio de incêndio em aeroporto de Brasília

Voo 1415, que iria para São Paulo, foi cancelado e 145 passageiros precisaram desembarcar

Por Da Redação - 15 fev 2016, 08h12

Um avião da Gol teve um princípio de incêndio na turbina neste domingo no Aeroporto de Brasília, na capital federal. O voo 1415 ainda não havia iniciado o processo de decolagem e os 145 passageiros a bordo precisaram desembarcar. A aeronave seguiria de Brasília a para o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Segundo a companhia aérea, houve “falha técnica no escapamento da turbina direita, danificando apenas externamente a fuselagem da aeronave próxima ao motor”.

“A aeronave estava em processo de reboque para a pista, mas não chegou a iniciar o táxi para a decolagem. Os 145 clientes a bordo foram desembarcados normalmente e em segurança para serem reacomodados em outros voos da companhia e de outras aéreas, conforme disponibilidade”, informou a Gol, em nota. O avião foi rebocado para manutenção.

Segundo a Inframerica, que administra o Aeroporto de Brasília, a ocorrência não provocou atrasos ou outros cancelamentos de voos. Próximo ao aeroporto, um incêndio florestal ainda expeliu uma nuvem de fumaça sobre o local. Mas, segundo a Inframerica, o incidente não prejudicou as operações do aeroporto. De acordo com o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal, dez militares foram acionados para combater o incêndio.

Leia também:

Continua após a publicidade

Greve de aeronautas e aeroviários afeta voos em 8 capitais e no DF

(Com Agência Brasil)

Publicidade