Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Apagão no Aeroporto de Guarulhos afeta pousos e decolagens

Blecaute durou 20 minutos; um cabo que alimenta o Terminal de Passageiros 3, que ainda opera de forma experimental, sofreu um curto-circuito

(*Atualizado às 15h)

Um apagão atingiu o Aeroporto Internacional de Guarulhos, na Grande São Paulo, na noite desta quarta-feira. O maior aeroporto do país ficou sem luz por cerca de vinte minutos. O apagão interrompeu pousos e decolagens durante o período, segundo informou a concessionária GRU Airport, responsável pelo aeroporto.

A falha teve início cerca de 21h50 e atingiu 100% das instalações. De acordo com a concessionária, somente um voo teve que ser transferido para outro aeroporto. No entanto, os atrasos registrados não chegaram a mais de trinta minutos – tempo mínimo para entrar nas estatísticas do aeroporto.

Funcionários afirmaram a passageiros que os geradores haviam falhado. “Ressaltamos que não foi identificada nenhuma ocorrência de dano ao usuário”, informou em nota. De acordo com GRU, que administra o aeroporto, 35 milhões de pessoas circulam pelo aeroporto de Guarulhos por ano.

Leia mais:

Brasil tem a 11ª tarifa de energia mais cara do mundo

Crimes em Cumbica superam 3 vezes ocorrências em Congonhas

Cumbica inaugura “puxadinho” para 1 milhão de passageiros​

Causa – O apagão foi causado por um curto-circuito no Aeroporto Internacional de Guarulhos. Segundo a concessionária GRU, um cabo ligado a uma das subestações que alimenta o Terminal de Passageiros 3, que está em fase de testes, sofreu um curto-circuito. Um gerador de emergência foi acionado no momento do apagão, porém o sistema de segurança e proteção interrompeu a operação por ter ocorrido um curto-circuito. “Todos os sistemas de segurança do aeroporto, em especial o de balizamento das pistas, continuaram operando”, disse a concessionária em nota..