Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Ao menos 11 mortos na madrugada em São Paulo

Seis assassinatos foram registrados na Região Metropolitana e outros cinco no interior; dois PMs e um policial civil foram baleados na capital

Por Da Redação 15 nov 2012, 08h16

Ao menos seis pessoas morreram entre a noite de quarta e a madrugada desta quinta-feira na Grande São Paulo e outras cinco no interior, totalizando onze vítimas em mais uma série de crimes. Outras 15 pessoas foram baleadas entre a noite de quarta-feira e a madrugada de quinta, segundo o telejornal Bom Dia Brasil. Três policiais foram baleados na capital.

Duas pessoas foram mortas e três ficaram feridas em Pirapora do Bom Jesus, na Região Metropolitana de São Paulo, na noite de quarta-feira. As vítimas foram baleadas por homens em motos. Outras duas mortes ocorreram em Itapevi, onde mais quatro pessoas ficaram feridas.

Leia também:

Média de mortes em São Paulo passa de quatro por dia

Ordem para matar PMs saiu de Paraisópolis, diz governo

Na capital, as mortes aconteceram no Grajaú, onde pelo menos duas pessoas morreram e uma ficou ferida na madrugada. Três pessoas foram feridas a tiros no bairro de Campo Grande, na Zona Sul. Os disparos foram efetuados por homens que passaram em uma moto. Na noite de quarta-feira, uma perseguição policial na Zona Leste acabou com um homem baleado e outro preso, segundo a Polícia Militar.

A PM também registrou cinco assassinatos em Araraquara, no interior do estado.

Policiais – Dois policiais militares e um civil foram baleados na capital. Por volta das 23h30 de quarta-feira, dois homens em uma moto atiraram contra um policial civil no Bairro da Pedreira, região do ABC. Os tiros atingiram o peito e uma das mãos.

Na madrugada desta quinta-feira, dois homens em um carro atiraram contra um policial militar à paisana na Avenida Cupecê, em Cidade Ademar, Zona Sul. A dupla foi perseguida e presa. O PM foi atingido no ombro e passa bem. O outro PM foi baleado ao reagir a um assalto em uma lanchonete no bairro da Penha, Zona Leste. Os dois bandidos estavam armados, atiraram contra o policial e também balearam um cliente.

Continua após a publicidade
Publicidade