Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Regina Duarte ajuda Doria a ‘varrer’ a avenida Paulista

A atriz faz parte da associação de moradores da região

O prefeito de São Paulo João Doria (PSDB) foi tietado no segundo dia da ação em que ele e seus secretários se vestem de garis para varrer ruas do município, dentro do programa Cidade Linda. O evento deste sábado está sendo realizado na avenida Paulista, na altura do Museu de Arte de São Paulo (MASP). A atriz Regina Duarte, que faz parte da associação de moradores da região, acompanhou parte da ação. “Não quero ser política, mas acho que todos os moradores de São Paulo devem se engajar”, afirmou.

 

Ao longo da madrugada, a avenida passou por reparos como pinturas de faixas e limpeza de totens. O trabalho de Doria começou pontualmente às 9h e, desta vez, a secretaria de Assistência Social, Sônia Francine, chegou ao local antes do prefeito. Ela chegou atrasada na primeira reunião do ano do alto escalão, o que levou Doria a sugerir a lei Sônia Francine, com multa para secretários que chegassem atrasados.

Ao chegar na avenida Paulista, Doria foi abordado por uma mulher que reclamou sobre a falta de remédios na unidade de saúde UBS Humaitá. O gestor ligou do seu celular para o secretário de Saúde, Wilson Pollara, enquanto conversava com a mulher.

Ele também foi interpelado por uma artesã que trabalha na avenida Paulista. Ela pediu para que Doria não retirasse os ambulantes da região. No entanto, durante a entrevista coletiva, ele afirmou que irá manter apenas 50 artesãos que estão cadastrados regularmente na prefeitura, o restante será direcionado a “bolsões” que devem ser criados para isso. “Cenário de crise não é justificativa de desrespeito à lei”, disse na coletiva.

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Mauricio Reppetto

    Mas a Paulista ainda fecha aos domingos????

    Curtir

  2. Mauricio Reppetto

    E quanto aos bicho-grilos “artesões”, tem mais é que tirar todos, só atravancam as calçadas e emporcalham a avenida.

    Curtir

  3. Adilson Nagamine

    Varrer cocô da cachorrada é fácil. Quero ver varrer o cocô que são os funcionários fantasmas P etralhas.

    Curtir

  4. Ronaldo Magnavacca

    Por que cada morador não poderia varrer em frente de sua calçada a sujeira que todos os dias o vento, os pedestres trazem e que suja a cidade? Seria pedir muito? Acho que não? É possível? Eu diria que não seria impossível, mas praticável.

    Curtir

  5. Julio Rodrigues Neto

    É perfeitamente viável, reduzir o IPTU, e o IPVA, da cidade, e do Estado de Sao Paulo, respectivamente, em 50 %.

    Curtir

  6. Antonio Augusto Simoes

    É muito bom ter no comando da cidade de São Paulo uma pessoa que entende a mente de quem tem dinheiro e quer investir para gerar trabalho e emprego. A PETRALHADA nunca trabalhou, adora uma boquinha e não tem a minima ideia do que é empreender. Os sangue sugas estão morrendo de raiva.

    Curtir

  7. Carlos Santana

    Quanta hipocrisia !! E pior nem fica vermelho ?? Presidente da Embratur aos 25 anos este é igual ao Aécio ficou rico do trabalho !! Kkkk

    Curtir

  8. Ataíde Jorge de Oliveira

    MiCK JéGUA
    Da pauLLi$$éiA_AviAdAdA

    Curtir