Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Aeronautas e aeroviários confirmam greve para o dia 22

Segundo sindicalistas, somente 20% do atendimento será mantido

O advogado Luiz Fernando Aragão, representante dos sindicatos de aeronautas e aeroviários, notificou formalmente a ministra Maria Cristina Peduzzi, do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que as duas categorias de trabalhadores vão realizar uma paralisação de 24 horas a partir das 23 horas do dia 22 de dezembro, mantendo apenas 20% do atendimento.

Na audiência desta segunda-feira, no prédio do TST em Brasília, sindicatos das companhias aéreas e dos trabalhadores não chegaram a um acordo.

Mais cedo, o negociador indicado pelo Sindicato Nacional das Empresas Aeroviárias (SNEA) perante o TST, Odilon Junqueira, havia dito que não há um plano alternativo para garantir a normalidade no atendimento dos passageiros das companhias aéreas no caso de ser deflagrada greve dos aeroviários (pessoal de terra) e dos aeronautas (embarcados) no próximo dia 22 de dezembro.

(Com Agência Estado)

LEIA TAMBÉM:

Aeronautas e aeroviários preparam greve para dia 22

Aeronautas e aeroviários não chegam a acordo com aéreas