Clique e assine a partir de 9,90/mês

Acompanhe a situação das principais rodovias durante a greve

Manifestações ocupam trechos de algumas das mais movimentadas vias do país

Por Da redação - 28 abr 2017, 17h00

Com a greve geral convocada por sindicatos e e centrais sindicais nesta sexta-feira em todos os estados e ao menos 24 capitais brasileiras, com cerca de 250 categorias paralisadas, algumas manifestações ocupam trechos de rodovias importantes, marginais e vias das capitais.

Veja abaixo a situação de algumas das mais movimentadas vias do país durante a greve:

Marginal Tietê (capital)

Na marginal Tietê, manifestantes ocuparam a pista local às 6h20 na altura da ponte Cruzeiro do Sul, próximo à rodoviária do Tietê, na Zona Norte, e na região da ponte da Freguesia do Ó, no sentido da rodovia Castelo Branco. A situação foi normalizada por volta das 9h30.

Outra manifestação, na região da ponte do Tatuapé, interrompeu o tráfego da pista local da marginal Tietê no sentido da rodovia Ayrton Senna às 7h50 e terminou por volta das 9h50.

Vias da capital paulista

A avenida 23 de Maio, na região da Praça da Bandeira, sentido Santana, foi totalmente ocupada por volta das 7h e liberada por volta das 7h35.

O cruzamento das avenidas Ipiranga e São João, na região da República, também foi ocupado por manifestantes, que fizeram barricadas. A via foi desbloqueada por volta das 8h50.

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), havia, por volta das 7h20, 16 manifestações em vias e próximas a vias em São Paulo.

Continua após a publicidade

Ponte Rio-Niterói

O sentido Rio da pista, na subida do vão central, foi ocupado por manifestantes às 6h20 e só acabou liberado às 8h.

O sentido Niterói, também na altura da subida do vão central, chegou a ser interrompido pela manifestação por volta das 6h45, mas o tráfego foi normalizado às 7h.

Continua após a publicidade

Via Dutra (São Paulo-Rio)

Manifestantes ocuparam por volta das 8h30 duas faixas da direita da pista na altura do quilômetro 207 do sentido São Paulo-Rio de Janeiro, em Guarulhos (SP). O tráfego foi normalizado por volta das 9h.

Ainda em Guarulhos, na altura do quilômetro 213, a concessionária NovaDutra informa que manifestantes caminham por duas faixas de rolamento e o tráfego segue pela faixa da esquerda. A opção para o motorista que segue sentido São Paulo é utilizar a pista expressa, que está com tráfego intenso, sem interdições.

Continua após a publicidade

No trecho do Vale do Paraíba da Dutra, manifestantes se concentraram no canteiro da pista, sem bloqueio das vias, na altura dos quilômetros 127, em Caçapava (SP), e 116, em Taubaté (SP). Os protestos terminaram por volta das 9h25, de acordo com a concessionária.

No quilômetro 145, em São José dos Campos (SP),  as pistas marginal e expressa foram ocupadas por manifestantes em frente à Revap por volta das 7h40, situação normalizada às 8h30.

Sistema Anchieta-Imigrantes (São Paulo capital-litoral)

Manifestantes bloquearam, por volta das 5h15, a rodovia Cônego Domênico Rangoni na altura do quilômetro 270, sentido Guarujá. Depois de ação da Polícia Militar, em que houve um princípio de conflito com os manifestantes, a pista foi liberada por volta das 6h55.

Também devido a manifestações, a serra da Via Anchieta foi bloqueada entre os quilômetros 40 e 38, sentido litoral.

Continua após a publicidade

Segundo a concessionária Ecovias, que administra o sistema, o tráfego foi normalizado por volta das 9h10.

Uma liminar concedida pela Justiça paulista ontem determina multa de 2,5 milhões de reais a sindicatos e manifestantes em caso de ocupação de qualquer via do Sistema Anchieta-Imigrantes.

Sistema Anhanguera-Bandeirantes

Manifestantes bloquearam o sentido interior da Anhanguera na altura do quilômetro 60, na região de Jundiaí (SP), situação já normalizada.

Os dois sentidos da Anhanguera na altura dos quilômetros 18 e 20, na região de Osasco, foram interditados por protestos no início da manhã. Às 9h40, o sentido capital-interior continua parcialmente ocupado e o trânsito flui por uma faixa.

Aeroporto de Guarulhos

Por volta das 3h30, a rodovia Hélio Smidt, que leva ao aeroporto internacional de Guarulhos, na grande São Paulo, foi bloqueada na altura do quilômetro 2,5. O tráfego chegou a ser desviado para o sentido oposto, pelo canteiro central e foi normalizado por volta das 5h30.

Publicidade