Clique e assine a partir de 8,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

‘Queen & Slim’: uma ácida alegoria sobre a escravidão americana

De desconhecidos a cúmplices foragidos, casal retrata o drama das tensões raciais em criativo road movie

Por Raquel Carneiro - Atualizado em 16 out 2020, 11h14 - Publicado em 16 out 2020, 07h00

Dois jovens tentam se entender com pouco sucesso em um encontro marcado via aplicativo. Sem esperança de vê-la novamente, o rapaz leva a moça de volta para casa — mas ambos são parados por uma viatura. A descontração forçada é substituída pelo pavor do casal negro, ciente do racismo em abordagens policiais. Em uma cena de notável tensão e magnetismo, a infração de trânsito se transforma em violência. O casal reage e o policial leva um tiro. De desconhecidos, os dois se tornam cúmplices em fuga. Estrelado com vigor por Jodie Turner-Smith e Daniel Kaluuya, o filme se vale do formato da road trip para falar das tensões raciais americanas. Na jornada, eles passam por cenários e outros personagens que aprofundam o drama, e seu destino se converte em uma ácida alegoria moderna sobre a fuga de escravos no século XIX. Disponível no Looke, iTunes e Google Play e outras plataformas.

Publicidade