Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

Polonês Frans Krajcberg ganha exposição em sua homenagem em SP

A mostra está aberta até dia 1° de julho e traz obras que acompanham a história do autor desde sua chegada ao Brasil, em 1948

Por Da Redação 3 jun 2017, 05h55

Frans Krajcberg chegou ao Brasil em 1948, depois de perder toda a família em um campo de concentração durante a II Guerra Mundial e ingressar na Academia de Belas Artes de Stuttgart, na Alemanha. Em 1951, participou da 1ª Bienal Internacional de São Paulo com duas pinturas e sua arte, com traços da floresta amazônica e da defesa do meio ambiente, foi cada mais difundida.

Esses aspectos podem ser conferidos na mostra Frans Krajcberg – Uma Homenagem, em cartaz na Galeria Frente, em São Paulo. A exposição traz aproximadamente 40 obras do autor produzidas desde os anos 1950 até os seus últimos trabalhos, dos anos 2000, diversificando entre suas pinturas figurativas e esculturas pigmentadas. Hoje, com 96 anos, o recluso artista dedica seu tempo à proteção da natureza. Seus trabalhos, que estão à venda na exposição, continuam tendo um preço médio de 120.000 reais, chegando a 1 milhão de reais nos trabalhos de grandes dimensões.

  • Um ponto interessante na exposição são os exemplares da flora extraídos em viagens à Amazônia, como troncos que passaram por incêndios, que recebem um tratamento com cores. A mostra é capaz de prestar tanto uma homenagem à trajetória de Krajcberg, quanto à relação da arte com a natureza e a sociedade.

    Obra sem título de madeira monocromada Reprodução/Divulgação

    A exposição estará aberta ao público até o dia 1° de julho na Galeria Frente, na Rua Dr. Melo Alves, 400, em São Paulo. O horário de funcionamento é das 10 às 19 horas de segunda à sexta-feira e das 10 às 14 horas aos sábados. A entrada é gratuita.

    Continua após a publicidade
    Publicidade