Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Colette’ mostra escritora que toma as rédeas da própria história

Direção de Wash Westmoreland é bem mais convencional que sua protagonista, mas o elenco, com Keira Knightley e Dominic West, é um deleite

(Inglaterra/Estados Unidos, 2018. Já em cartaz no país) Jovem provinciana se casa com homem mais velho e mundano e, aos poucos, aprende a ficar tão à vontade quanto ele até nos círculos chiques. A história de Sidonie-Gabrielle Colette (Keira Knightley), porém, ultrapassou em muito o enredo de Pigmalião que seu marido, o escritor Henri Gauthier-Villars, ou “Willy” (Dominic West), planejara para ela. Figura célebre na Paris do fin de siècle, Willy costumava se valer de escritores fantasmas, e logo recrutou Colette para a função. Sua série de novelas Claudine virou febre. À medida que Colette adquiria desenvoltura, o cisma no casamento se acentuava. Ele se tornou irremediável quando Colette se envolveu com Missy (Denise Gough), uma marquesa transgênero, e começou a reivindicar a autoria de seus livros. A direção do inglês Wash Westmoreland é bem mais convencional que sua protagonista, mas o elenco é um deleite.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s