Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

‘Castle Rock’: Série é um deleite para fãs do terror de Stephen King

Produzida por J.J. Abrams, série antológica com duas temporadas prende o espectador com suspense bem conduzido

Por Raquel Carneiro - Atualizado em 29 May 2020, 12h48 - Publicado em 29 May 2020, 07h00

Moradores da fictícia Castle Rock acreditam que a cidade é amaldiçoada. Tragédias são constantes ali. Entre elas, o inesperado suicídio do diretor do presídio. A boa reputação do homem é maculada quando se descobre que ele mantinha há anos em cativeiro um rapaz (o ótimo Bill Skarsgård), a quem atribuiu uma aura maligna e, consequentemente, a responsabilidade pelos infortúnios da região. O mistério sobre quem é o jovem conduz o inebriante suspense nos dez episódios da primeira temporada. Na segunda leva de capítulos, narra-se uma história independente: uma enfermeira (Lizzy Caplan) em fuga sofre um acidente de carro às portas de Castle Rock e é obrigada a lidar com as maldições locais por mais tempo que o esperado. Com produção de J.J. Abrams — grife da ficção científica por títulos como Lost e Star Wars —, a série é um deleite para os fãs de Stephen King. O universo do escritor permeia a série em um quebra-cabeça de referências, que vão desde acontecimentos e personagens até atores de adaptações de King no cinema, como a veterana Sissy Spacek, de Carrie, a Estranha (1976), e o próprio Skarsgård, o palhaço de It — A Coisa (2017). As duas temporadas estão disponíveis na plataforma de streaming Starzplay.

Publicidade