Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

‘Cadê Você, Bernadette?’: Cate Blanchett radiante em drama cômico

Diretor Richard Linklater, de 'Boyhood', mostra a arte de transformar uma personagem ranheta em criatura adorável

(Where’d You Go, Bernadette, Estados Unidos, 2019. Já em cartaz no país) Se há uma cartilha pela qual Bernadette (Cate Blanchett) reza é a de que o inferno são os outros: à exceção da filha, Bee, e — mais ou menos — do marido, ela não suporta as demais mães da escola, acha sua vizinha (Kristen Wiig) especialmente intolerável e já denota aversão antecipada às pessoas que ainda não conheceu, como os passageiros do cruzeiro à Antártica que a adolescente Bee (a adorável Emma Nelson) quer impingir a ela. Bernadette também detesta lugares — por exemplo, Seattle, onde tem de morar porque seu marido, Elgin (Billy Crudup), é um bambambã da tecnologia que trabalha com a Microsoft. A ideia de seguir em direção ao Polo Sul e atravessar o turbulento Estreito de Drake a apavora. Na verdade, ela mal sai da mansão antiga e arruinada que comprou para reformar, mas na qual os trabalhos não avançam. E, no entanto, na interpretação radiante de Cate Blanchett e na direção como sempre calorosa de Richard Linklater, de Boyhood e da trilogia Antes do Amanhecer, Antes do Pôr do Sol e Antes da Meia-Noite, a própria Bernadette nada tem de detestável nem sequer de antipático: é simplesmente alguém que perdeu um eixo e precisa com urgência acordar para a necessidade de reencontrá-lo, antes que as pessoas mais queridas e preciosas desistam de tentar penetrar suas defesas. Linklater tem a dádiva muito especial de pôr os atores dentro da pele dos seus personagens e então fazê-los sentir-se completamente à vontade nela. Por isso, quando o cineasta pouco a pouco revela como Bernadette chegou a esse estado de neurose, a história dela não soa inventada nem forçada; soa apenas cômica e tragicamente humana — e, felizmente, passível ainda de otimismo.

Clique na imagem abaixo para comprar o DVD do filme Boyhood: Da Infância à Juventude.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s