Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
VEJA Recomenda Por Coluna Os principais lançamentos da música, do cinema, da literatura e da produção infanto-juvenil, além da TV, comentados pelo time de VEJA

‘As Panteras’: filme é uma estimulante injeção de adrenalina

Longa com Kristen Stewart, Naomi Scott e Ella Balinska chega aos cinemas adaptado para nova geração

Por Raquel Carneiro - Atualizado em 15 nov 2019, 11h53 - Publicado em 15 nov 2019, 07h00

(Charlie’s Angels, Estados Unidos, 2019. Já em cartaz no país) Três belas mulheres com figurino exuberante e maquiagem impecável desferem golpes mirabolantes contra criminosos. A premissa de As Panteras é das mais absurdas e apetitosas — e foi devidamente aprovada na TV nos anos 1970 e em dois filmes no cinema no começo dos anos 2000. O trio retorna customizado para uma geração mais tecnológica e empoderada que as anteriores. A cientista Elena (Naomi Scott) vê sua invenção, um dispositivo que manipula energia, ser cobiçada por terroristas. Ao lado de Jane (Ella Balinska, talento notável para a ação) e Sabina (Kristen Stewart — arriscando, sem sucesso, um papel cômico), ela tenta recuperar o tesouro. Dirigido por Elizabeth Banks, o filme é uma estimulante injeção de adrenalina — eficaz, sobretudo, para quem busca entretenimento fácil.

 

Publicidade