Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Gente Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Mohamed Deme: ex-estoquista vira modelo de sucesso

Senegalês se mudou para o Brasil sem falar uma palavra de português

Por João Batista Jr. - Atualizado em 7 ago 2020, 16h11 - Publicado em 7 ago 2020, 06h00
MOHAMED DEME – Reprodução/Instagram

Funcionário de oficina de costura e filho de um imã islâmico em Dakar, capital do Senegal, Mohamed Deme se mudou para o Brasil em 2014. Veio em busca de uma vida melhor. Ele não falava uma palavra de português quando descolou emprego como estoquista de mercado e, depois, deu expediente como costureiro. Isso até ser descoberto como modelo. “Nem no meu maior sonho imaginei viver essa alegria”, diz ele, em português perfeito. “Aprendi a falar consultando o Google.” Mohamed tem hoje 31 anos e está nas campanhas da Renner, Reserva e Samsung. Ele não bebe álcool nem come carne de porco. Às sextas, vai à mesquita fazer suas preces. “Sou grato ao Brasil por me proporcionar tanto”, afirma.

Publicado em VEJA de 12 de agosto de 2020, edição nº 2699

Publicidade