Clique e assine a partir de 9,90/mês
VEJA Gente Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Como Michelle Bolsonaro virou ‘influencer’ por um dia de marca de lingerie

A primeira-dama exibiu no Stories do seu Instagram quatro imagens de cintas modeladoras e conjuntos de peças íntimas, com o link para a marca

Por Fernanda Thedim - Atualizado em 12 ago 2019, 11h04 - Publicado em 9 ago 2019, 07h00

É hábito das digital influencers postar fotos (e ganhar dinheiro com isso) dos produtos que lhes são presenteados, os “recebidos do dia”. Para surpresa geral, a primeira-dama Michelle Bolsonaro, 37 anos, aderiu — certamente, sem a contrapartida financeira — e exibiu no Stories do seu Instagram quatro imagens de cintas modeladoras e conjuntos de lingerie, com o link para a marca. “Elas chegaram. Obrigada pelos presentes”, agradeceu. Afinal, como as fotos foram parar lá? “A própria Michelle nos ligou para saber onde podia comprar nossa cinta em Brasília. Mandamos alguns conjuntos sem compromisso nenhum”, relata Lucas Cordeiro, diretor da marca, que tem Sabrina Sato como garota-propaganda. Feliz da vida, é claro: “Está todo mundo querendo”.

Com Jana Sampaio

Publicado em VEJA de 14 de agosto de 2019, edição nº 2647

Publicidade