Clique e assine a partir de 8,90/mês
VEJA Gente Notícias, bastidores e conversas de quem é assunto na cultura, na política, nos negócios e em outras rodas

Livro sobre Lulinha vira sucesso editorial

A obra é assinada por Marco Aurélio Vitale, ex-executivo de Jonas Suassuna

Por João Batista Jr. - Atualizado em 7 dez 2018, 12h29 - Publicado em 7 dez 2018, 12h18

Depois de dois distratos de editoras, Marco Aurélio Vitale vendeu seu carro para lançar de forma independente Sócio do Filho: a Verdade sobre os Negócios Milionários do Filho do Ex-Presidente Lula. O filho é Fábio Luís, o Lulinha. O autor trabalhou como executivo por sete anos nas empresas de Jonas Suas­suna, dono de fachada do sítio em Atibaia que a Lava Jato diz pertencer a Lula.

O que seu livro revela? Situações curiosas. Uma semana antes da Operação Aletheia, de março de 2016, Jonas e Lulinha nos mandaram reunir toda a documentação e HDs da empresa dentro de uma sala. Na busca e apreensão, a Polícia Federal não entrou justamente na sala onde tudo tinha sido escondido.

Como Lulinha era no dia a ­dia? Discreto e simples. Mas tinha personal trainer e gastou 1,6 milhão de reais no apartamento onde mora em São Paulo, não se sabe com dinheiro de quem.

Por que decidiu escrever o livro? Prestei depoimentos e forneci dados à Lava Jato. Nunca me envolvi em nada e quis deixar um registro histórico de tudo. Cheguei a fazer dois contratos com editoras, que desistiram no meio do processo com receio de retaliações. Então decidi vender meu carro e imprimir 1 000 cópias. O sucesso foi tão grande que na semana que vem mandarei imprimir mais 2 000. O livro está sendo vendido on-line, em sites como Amazon, e em livrarias que o solicitam. Levo os exemplares de ônibus até alguns compradores.

Continua após a publicidade
Publicidade