Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Nova Temporada Por Fernanda Furquim Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.

Morre Ann B. Davis, atriz de ‘A Família Sol-Lá-Si-Dó’

Conhecia pelos fãs de séries como a empregada Alice na série A Família Sol-Lá-Si-Dó/The Brady Bunch, a atriz Ann B. Davis faleceu no dia 1º de junho, aos 88 anos de idade. Segundo seu agente Robert Malcolm à imprensa americana, Davis sofreu uma queda, batendo com a cabeça. Ela foi levada ao hospital inconsciente, onde […]

Por Fernanda Furquim Atualizado em 1 dez 2016, 15h56 - Publicado em 2 jun 2014, 13h14
Anne B. Davis na década de 1950 (Foto: Getty)

Ann B. Davis na década de 1950 (Foto: Getty)

Conhecia pelos fãs de séries como a empregada Alice na série A Família Sol-Lá-Si-Dó/The Brady Bunch, a atriz Ann B. Davis faleceu no dia 1º de junho, aos 88 anos de idade. Segundo seu agente Robert Malcolm à imprensa americana, Davis sofreu uma queda, batendo com a cabeça. Ela foi levada ao hospital inconsciente, onde veio a falecer.

Ann Bradford Davis nasceu no dia 5 de maio de 1926 em Schenectady, Nova Iorque, mas cresceu em Erie, Pennsylvania. Quando criança, ela e sua irmã gêmea Harriet costumavam fazer apresentações de teatro de fantoches para vizinhos e amigos.

Em 1948, Davis se formou em artes dramáticas pela Universidade de Michigan. A atriz iniciou carreira apresentando-se em nightclubs e teatro regional antes de se mudar para Los Angeles em busca de trabalho.

Ela fez sua estreia na TV em 1955, com a série The Bob Cummings Show/Love That Bob, na qual interpretou Charmaine Shultz, mais conhecida como Shultzy, a secretária de Bob, um fotógrafo playboy. Com esta produção, ela recebeu dois prêmios Emmy.

'The Bob Cummings Show' (Foto: NBC/Arquivo)

‘The Bob Cummings Show’ (Foto: NBC/Arquivo)

Depois que a série foi cancelada em 1959, Davis entrou no circuito de participações especiais. Entre 1965 e 1966, ela voltaria a integrar o elenco fixo de uma sitcom. Em The John Forsythe Show ela era a Srta. Wilson, professora de educação física da escola para meninas dirigida pelo personagem de Forsythe. Esta produção teve apenas uma temporada produzida.

O sucesso veio com A Família Sol-Lá-Si-Dó/The Brady Bunch, que estreou em 1969. Criada por Sherwood Shwartz, a sitcom apresentou a rotina de pessoas que representavam a nova família americana.

Na década de 1960, começaram a surgir famílias formadas por pais divorciados ou viúvos, que se casavam novamente levando com eles filhos frutos de uniões anteriores. Deste novo casamento nasciam outros filhos e com isso a família crescia mudando as características da ‘tradicional família americana’.

'The John Forsythe Show'

‘The John Forsythe Show’ (Foto: NBC/Arquivo)

Justamente por isso, a série teve dificuldades de encontrar um canal. Ninguém queria apostar em uma produção que ‘destruía’ o conceito da família tradicional. Até que estreou nos cinemas o filme Os Meus, Os Seus e os Nossos, com Henry Fonda e Lucille Ball, que trazia a mesma proposta da série.

A boa receptividade desta produção encorajou a ABC a aprovar a série de Shwartz. No entanto, o canal exigiu mudanças. O marido, que seria um divorciado, passou a ser um viúvo que conhece uma viúva com quem se casa. Assim surgiu A Família Sol-Lá-Si-Dó.

Continua após a publicidade

Na história, Davis interpreta Alice, a empregada que trabalha na casa desta família formada por Mike Brady (Robert Reed), um arquiteto casado com Carol (Florence Henderson). Mike é pai de Greg (Barry Williams), Peter (Christopher Knight) e Bobby (Mike Lookinland); enquanto Carol é mãe de Márcia (Maureen McCormick), Jan (Eve Plumb) e Cindy (Susan Olsen).

A série foi cancelada em 1974, mas Davis voltou a interpretar Alice em outras produções.

'A Família Sol-Lá-Si-Dó' (Foto: ABC/Arquivo)

‘A Família Sol-Lá-Si-Dó’ (Foto: ABC/Arquivo)

A primeira foi The Brady Bunch Variety Hour, uma série musical na qual os Brady são escolhidos para estrelar um programa de variedades que será transmitido ao vivo de suas casas (como um reality show). Composto de esquetes e números musicais, o programa contou com a presença dos atores que estrelaram a série, com exceção de Eve Plumb, que foi substituída por Geri Reischl no papel de Jan, a filha do meio da Sra. Brady.

Em 1981 a NBC exibiu o filme reunion The Brady Girls Get Married, o qual gerou a produção da série The Brady Brides, que mostrava as três filhas da Sra. Brady casadas e vivendo suas respectivas vidas. A série teve apenas sete episódios (sem contar o filme reunion).

Um novo filme reunion foi produzido em 1988, com o título de A Very Brady Christmas. Novamente a receptividade do filme levou à produção de uma série, desta vez com o título de The Bradys, a qual dá continuidade à história. Foram produzidos apenas seis episódios.

Davis em 2007 (Foto: FilmMagic)

Davis em 2007 (Foto: FilmMagic)

A atriz também interpretou Alice em episódios de Day By Day, em 1989, e Hi Honey, I’m Home, em 1991. Ao longo de sua carreira, Davis também foi vista em episódios de A Caravana, The New Breed, Insight, O Jogo Perigoso do Amor, O Barco do Amor e Something So Right, entre outras.

No final da década de 1990, Davis se afastou da TV, passando a se dedicar à sua carreira no teatro, onde atuou em peças e musicais. Em 1994, ela escreveu o livro de receitas e anedotas Alice’s Brady Bunch Cookbook, apesar de não ser cozinheira.

Em 1976, Davis passou a viver em uma comunidade Episcopal, liderada por William C. Frey, em Denver, Colorado. Mais tarde, a comunidade se transferiu para Ambridge, Pennsylvania e, nos últimos anos, se estabeleceu nas proximidades de San Antonio, no Texas.

Ao longo dos anos, Davis realizou diversos serviços voluntários para a comunidade.

Cliquem nas fotos para ampliar.

Continua após a publicidade
Publicidade