Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Partido Democrata visita Eduardo Cunha na prisão para pegar dicas

Saíram de lá com muitos ensinamentos

Por Sensacionalista Atualizado em 14 jan 2021, 14h37 - Publicado em 15 jan 2021, 06h00

Com a abertura do segundo pedido de impeachment contra Donald Trump a dias do fim do seu mandato, o Partido Democrata tem pressa. Uma comissão de deputados americanos foi a um presídio no Rio de Janeiro para conversar com Eduardo Cunha. Saíram de lá com muitos ensinamentos. “Precisamos de um grande acordo nacional, com os Republicanos, com tudo”, disse um deputado do Alabama.

Cunha recomendou que os deputados pró-impeachment falem apenas sobre suas famílias durante o voto e usem camisa da seleção americana de futebol. O ex-presidente da Câmara também disse que Biden deve começar a falar com mesóclises e dizer que “tem que manter isso aí, viu”. Diante do novo processo contra ele, Trump se defendeu com a ajuda de um assessor brasileiro: “Tá, mas e o PT?”.

Publicado em VEJA de 20 de janeiro de 2021, edição nº 2721

Publicidade