Clique e assine a partir de 9,90/mês
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Novo aplicativo oferece o filtro Bolsonaro, que deixa Rodrigo Maia bonito

Nos Estados Unidos, um produto semelhante de Trump deixou muitos republicanos conservadores bem-apessoados

Por Sensacionalista - 19 jul 2019, 06h30

A febre dos aplicativos que mudam a fisionomia dos usuários para crianças, velhos, elfos, coelhos, cachorros ou outro gênero chegou a um ponto em que a revolução será um filtro que deixa a pessoa exatamente como ela é — um aspecto que ela mesma e seus interlocutores digitais já esqueceram.

Enquanto isso não acontece, a grande novidade é o filtro que ganhou o nome do presidente Bolsonaro, que tem a capacidade de deixar Rodrigo Maia bonito. A cada vez que o presidente brada contra a democracia, o meio ambiente ou os direitos humanos, Maia fica mais atraente. Quando Bolsonaro anunciou que queria o filho embaixador, a papada do presidente da Câmara sumiu e ele começou a se parecer com o primeiro-ministro canadense Justin Trudeau.

O filtro Bolsonaro, na prática, tem o poder de deixar todo o Centrão bonito e, em algumas situações, até os militares menos feios (e um pouco dignos de pena).

Eis que esse produto que parece brasileiro de raiz também já existe em outros países. Nos Estados Unidos, por exemplo, o filtro Trump deixou muitos republicanos conservadores bem-apessoados.

Continua após a publicidade

Publicado em VEJA de 24 de julho de 2019, edição nº 2644

Publicidade