Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Governo vai oferecer linha de crédito a fazendeiro que matar 3 invasores

Medida pode ainda ser ampliada para quem matar índios que resistam a ter reservas invadidas por grileiros a mando de grandes proprietários

Por Sensacionalista - 3 maio 2019, 07h00

O presidente disse em uma feira agrícola que planeja isentar de punição proprietários rurais que atirarem em invasores. A proposta foi tão bem recebida que Bolsonaro decidiu premiar a mira dos fazendeiros e liberou crédito para quem matar três ou mais. Se a vítima estiver usando boné ou camisa vermelha, os juros virão a zero.

“Infelizmente o alqueire de terra não pode portar arma para atirar em legítima defesa”, disse Bolsonaro. “Então temos de contar com os verdadeiros heróis dessa história, que são os proprietários milionários que impedem que esses meliantes abusem da terra improdutiva usando a pobrezinha para sua própria sobrevivência, tá o.k.?”

O governo estuda ampliar a medida para quem matar índios que resistam a ter reservas invadidas por grileiros a mando de grandes proprietários. “Antes o índio pegava uma gripezinha e morria, temos de nos adaptar aos novos tempos”, disse o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

Publicado em VEJA de 8 de maio de 2019, edição nº 2633

Envie sua mensagem para a seção de cartas de VEJA
Qual a sua opinião sobre o tema deste artigo? Se deseja ter seu comentário publicado na edição semanal de VEJA, escreva para veja@abril.com.br
Publicidade