Clique e assine a partir de 9,90/mês
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

Brasil flexibiliza quarentena para evitar 2ª onda e ficar na 1ª sempre

O brasileiro, sempre inventivo, inovou de novo

Por Sensacionalista - Atualizado em 5 Jun 2020, 13h37 - Publicado em 5 Jun 2020, 06h00

O brasileiro, sempre inventivo, inovou de novo. Em vez de correr o risco de ter uma segunda onda de Covid-19, o país decidiu ficar eternamente na primeira. A abertura gradual começou justamente na semana em que o Brasil bateu recorde de mortos.

Parte do comércio foi liberada para funcionar com lotação controlada mas as funerárias poderão continuar com plena capacidade.

Após liberação, cariocas levaram um susto. O lugar do Cristo Redentor amanheceu vazio. A estátua fugiu da cidade com medo de pegar o coronavírus.

Publicado em VEJA de 10 de junho de 2020, edição nº 2690

Publicidade