Clique e assine com 88% de desconto
Sensacionalista Por Redação Isento de verdade

A causa da onda de calor: brasileiro abriu as portas do inferno na eleição

Pelo menos o carioca pode se refrescar bebendo a água cristalina que sai das torneiras

Por Sensacionalista - Atualizado em 17 jan 2020, 09h39 - Publicado em 17 jan 2020, 06h00

Meteorologistas da Universidade Maju Coutinho encontraram respostas para a onda de calor que está assolando (com trocadilho) o país. Ela seria resultado da abertura das portas do inferno ocorrida na última eleição.

O Rio de Janeiro é a cidade que está sofrendo mais com a quentura. O carioca já está construindo saunas para se refrescar. O estoque de pipoca de micro-ondas na cidade se esgotou. Todas estouraram ainda nas prateleiras.

Mas pelo menos o carioca pode se refrescar bebendo a água cristalina que sai das torneiras.

Publicado em VEJA de 22 de janeiro de 2020, edição nº 2670

Publicidade