Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Pedreiro vira herói ao escalar prédio e salvar criança de fogo

Anderson da Silva, de 25 anos, alcançou a janela do segundo andar de casa em Santa Rosa (RS), socou a janela até rompê-la e retirou menino que pedia socorro

Ao ver um prédio pegando fogo e escutar um pedido de ajuda, o pedreiro Anderson da Silva, de 25 anos, escalou uma parede e rompeu os ferros de uma janela para salvar uma criança de sete anos. O incêndio ocorreu no início da tarde de quarta-feira (10), na cidade de Santa Rosa, no noroeste do Rio Grande do Sul, onde o pedreiro passou a ser considerado um herói.

Anderson estava trabalhando em uma construção das proximidades quando percebeu a movimentação de curiosos em razão do fogo. “Eu tinha que agir rápido. Se não fosse rápido, o menino ia morrer. Primeiro eu pensei em alcançar, em chegar lá em cima. Escalei a parede e tomei impulso a partir de uma janelinha embaixo. Daí pulei e me prendi com as mãos na janela do apartamento. Comecei a socar para tentar arrebentar o ferro. Achei que não ia conseguir. Mas daí o menino me disse: ‘Tio, me tira daqui porque está queimando’. Aí Deus me deu a força que faltava e consegui arrancar a grade. Não tem explicação. Foi Deus mesmo”, disse o pedreiro em entrevista a VEJA.

Veja o momento em que a criança é salva:

Escalei a parede e tomei impulso a partir de uma janelinha embaixo. Daí pulei e me prendi com as mãos na janela do apartamento. Comecei a socar para tentar arrebentar o ferro. Achei que não ia conseguir. Mas daí o menino me disse: ‘Tio, me tira daqui porque está queimando’. Aí Deus me deu a força que faltava e consegui arrancar a grade

Anderson da Silva, pedreiro

Anderson já retomou seu trabalho na construção. “Esse é meu ganha-pão, tenho que sustentar minha família”, disse à reportagem, acrescentando que “faria tudo de novo” se fosse necessário. Ele é casado há oito anos e é pai de uma menina de três anos. Ganha cerca de 1.200 reais por mês trabalhando em construções.

“Ele teve um ato verdadeiramente heroico. Ele venceu a altura, rompeu a grade, retirou o menino e alçou ele para quem estava fora. Foi uma ação muito rápida”, contou a VEJA o comandante do Corpo de Bombeiros da cidade, primeiro-tenente Claudir Roque Malmann. Os Bombeiros receberam o chamado às 13h44 e chegaram dois minutos depois. Nesse curto intervalo, o pedreiro salvou a criança.

Recomeço

“Estamos bem agora, graças a Deus”, disse o pai da criança, Rosauro Tavares, que trabalha com manutenção de aparelhos eletrônicos. A família perdeu todos os móveis e eletrodomésticos do apartamento, muitas roupas e alimentos. “Estamos amparando a família, arrecadamos um caminhão de móveis e muitos alimentos. Amanhã temos o dia inteiro de arrecadação. Eles perderam tudo”, conta Carmen Lúcia Lazzaretti, de 43, voluntária da Cruz Vermelha.

Tanto Anderson quanto a criança sofreram apenas ferimentos leves. O pedreiro ficou com as mãos machucadas ao tentar romper os ferros – o garoto machucou a orelha esquerda.

Segundo os Bombeiros, o fogo pode ter iniciado do lado de fora do imóvel de dois andares, em uma garagem, e se alastrado para a residência. O apartamento era pequeno e alugado pela família. Ali moravam o pai, a mãe, Carla Padoan, e Richard Padoan Tavares, a criança. O pai estava no andar de baixo, onde trabalha. A mãe estava a uma quadra do local.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

  1. Um herói da vida real.

    Curtir