Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana
Ricardo Rangel

No dia D, Pazuello dará vacina V com seringa S e agulha A

O governo pretende começar a vacinar antes de João Doria sem começar a vacinar nunca

Por Ricardo Rangel Atualizado em 13 jan 2021, 10h17 - Publicado em 11 jan 2021, 19h57

O ministro da Insalubridade, general Eduardo Pazuello, o obediente, afirmou, para estupor geral, que a vacinação começará à hora H do dia D.

Pelo jeito, o governo pretende aplicar a vacina V usando a seringa S com a agulha A.

Não se sabe se o ministro ignora quando a vacinação começará ou se simplesmente não pretende vacinar ninguém, nunca.

Afinal, Bolsonaro todo dia faz campanha contra vacina, já proibiu compra de vacina e recentemente suspendeu compra de seringa.

O governo parece ter dois objetivos difíceis de conciliar: 1) começar a vacinar antes de João Doria e 2) não começar a vacinar nunca.

O governo lembra o gato quântico de Schrödinger.

Aquele que estava vivo e morto ao mesmo tempo.

Continua após a publicidade
Publicidade