Assine VEJA a partir de R$ 9,90/mês.
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

VEJA 2 – Diogo Mainardi: “Eugh!”

“Agora há menos socialistas na Europa do que na assessoria de imprensa da Petrobras. Os imigrantes beijam, tocam e cutucam a unha do pé. Os europeus fizeram uma escolha. Entre os socialistas, que acolhem os estrangeiros, e os direitistas, que prometem mandá-los embora, eles preferiram os direitistas” Um dos concorrentes do Big Brother do Reino […]

Por Reinaldo Azevedo - Atualizado em 22 fev 2017, 15h50 - Publicado em 13 jun 2009, 07h06

“Agora há menos socialistas na Europa do que na assessoria de imprensa da Petrobras. Os imigrantes beijam, tocam e cutucam a unha do pé. Os europeus fizeram uma escolha. Entre os socialistas, que acolhem os estrangeiros, e os direitistas, que prometem mandá-los embora, eles preferiram os direitistas”

Um dos concorrentes do Big Brother do Reino Unido é nosso – é do Brasil. Os redatores do programa o caracterizaram da seguinte maneira:

“Ele abraça! Ele beija! Ele toca! É um fato cultural. Ao menos é o que ele diz…”.

Além de beijar e de tocar, Rodrigo Lopes – esse é seu nome – também sonha em ficar preso no elevador com a rainha Elizabeth, tira meleca do nariz e cutuca a unha do pé. Comentário enojado dos redatores do Big Brother:

Publicidade

“Eugh!”.

Como foi que ele, Rodrigo Lopes, acarinhando um, molestando o outro, tirando meleca do nariz e cutucando a unha do pé, acabou com o socialismo na Europa? Aconteceu de uma hora para a outra. A Europa tolerante, a Europa miscigenada, a Europa tomada por imigrantes de todas as partes, decidiu se fechar. Rodrigo Lopes é só um dos concorrentes estrangeiros do Big Brother do Reino Unido. Há também uma cantora russa, um estudante indiano, um estilista iraniano. Os ingleses, os franceses, os espanhóis, os italianos, os holandeses olharam essa gente toda e disseram:

“Eugh!”. Aqui

Publicidade