Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Recessão completa 18 meses, mais longo período desde o Plano Real

É o que mostra levantamento da Fundação Getulio Vargas

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 30 jul 2020, 23h59 - Publicado em 30 nov 2015, 18h50

A recessão brasileira está prestes a se tornar, oficialmente, a mais longa desde o Plano Real, lançado em 1994. Amanhã será divulgado o Produto Interno Bruto do terceiro trimestre do ano, a medida da produção e da renda do país. Salvo grande surpresa, será a terceira queda trimestral consecutiva, o que não acontecia desde 1990, quando Collor confiscou o dinheiro nos bancos. Pela avaliação da FGV, a atual recessão começou no segundo trimestre de 2014 e, portanto, já completou um ano e meio de duração, ou 18 meses. Isso porque, segunda a Fundação, uma recessão não é definida simplesmente pelo encolhimento do PIB. Trata-se de um período em que o pessimismo de empresários e consumidores leva a um recuo de compras, investimentos e contratações.

Publicidade