Clique e assine com até 92% de desconto
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Que tal fuzilar os pretos e pobres do Rio que não votaram em Freixo? OU: Só agora a esquerda se lembrou de criticar a Universal?

Quanto Edir Macedo andava de braços dados com Lula e Dilma e abrigava blogueiros sujos na Record, a esquerdalha aplaudia

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 30 jul 2020, 21h26 - Publicado em 1 nov 2016, 03h51

Alguns bananas andaram me atacando aqui e ali porque já escrevi e afirmei na TV e no rádio que teria, sim, votado em Crivella se tivesse domicílio eleitoral no Rio. Era a única coisa a fazer entre os dois Marcelos. Sou católico, não evangélico. E um católico tem o compromisso com o mal menor.

O que eu penso de Edir Macedo e de sua teologia? Há aqui um  conjunto de textos. Os curiosos podem pesquisar. Quando ele recorreu ao Eclesiastes para defender o aborto, o que é uma aberração, bati pesado na sua leitura. E fiquei praticamente sozinho. A esquerda não deu um pio.

Atenção! Os esquerdistas moralmente depravados têm uma escala do ódio. No topo dessa hierarquia do mal, está o feto. Qualquer defensor do aborto sempre lhes parecerá simpático. Quando Macedo andava pra cima e pra baixo com Lula e com Dilma e quando pôs a sua televisão para veicular os valores do petismo, os esquerdistas se calaram.

Mais do que isso: quando a TV Record abrigou parte dos blogueiros sujos de esquerda, que se acoitavam na emissora para atacar “a direita”, também não se ouviu um pio, certo? Agora, quando os petistas caíram em desgraça e quando um egresso da Universal enfrenta um esquerdista nas urnas, então é hora de demonizar NÃO A UNIVERSAL QUE APOIAVA LULA, DILMA E O ABORTO, MAS A UNIVERSAL QUE SERIA CONTRÁRIA ÀS DITAS MINORIAS INFLUENTES.

Dou uma solene banana para essa gente. A prova de que o socialismo morreu é que ele passou a depender dos ricos da Zona Sul. A prova de que o socialismo morreu é que hoje ele é apenas um devaneio de maconheiros da Zona Sul. “Ora, Reinaldo, será que maconheiros não votaram em Crivella?” É possível que sim. Mas os da Zona Oeste e Norte. No Rio, os fumos não se misturam com essa facilidade.

Continua após a publicidade

Enquanto o PT e esquerdistas serviam a Edir Macedo e vice-versa, nunca ninguém se lembrou do caráter agora dito reacionário na Igreja Universal.

Quando o dito “povo”, no entanto, não vota segundo os desígnios dos sábios da Zona Sul e seu progressismo de esquerda com vista para o mar, aí, então, o povo é demonizado.

Ora, sugiro que os esquerdistas do PSOL assinem uma PEC reinstituindo o voto censitário no Brasil. Só iriam às urnas as pessoas a partir de determinada renda — os ricos. O Brasil certamente seria mais esquerdista do que é hoje.

Lênin também achava o povo reacionário. Quando é que os artistas descolados de Ipanema, Leblon, Copacabana e Laranjeiras vestirão bata branca e pedirão que os pobres e pretos reacionários sejam passados na ponta do fuzil?

Essa gente atrapalha a revolução.

Continua após a publicidade
Publicidade